A nova poupança

Entenda como funciona a nova poupança

2 minutos

por Renato Martins

escrito em 7 maio 2012

A poupança brasileira foi criada há mais de 150 anos pelo Imperador Dom Pedro II e até hoje traz algumas características de seu formato original. Uma delas era a rentabilidade garantida por lei de 6% ao ano.

Agora isso mudou!

Como funciona a nova poupança?

A última sexta-feira (04/05/2012) marca essa mudança histórica onde todos os depósitos realizados em caderneta de poupança, desse dia em diante, passarão a variar de acordo com a taxa Selic (taxa básica de juros do Brasil).

Em outras palavras, o rendimento que era fixo de 6,17% ao ano + TR agora pode ser fixo ou variável dependendo da Selic. Veja:

  • Se a Selic estiver maior que 8,5%, o rendimento continua fixo de 6,17% a.a. + TR.
  • Se a Selic estiver menor ou igual a 8,5%, o rendimento passa a ser variável (70% da Selic + TR).

O rendimento da caderneta continua isento de imposto de renda e com liquidez imediata.

Ah! E o dinheiro que já estava aplicado na poupança até 03/05/2012 continua com as regras de antes (6% a.a + TR).

O que vai mudar agora para mim?

Como a taxa Selic está atualmente em 9%, o rendimento da sua caderneta de poupança não muda em nada. Mas essa mudança permite que o governo possa reduzir a taxa básica dos juros num futuro não muito distante (o que é muito bom para economia se movimentar).

Então, se a taxa Selic cair para, por exemplo, 8,5% o rendimento anual da poupança será de 5,95% a.a + TR.

Rendimento = Selic * 70% + TR.

É isso!

E aí… o que achou da mudança da poupança? Vai ter impacto nos seus investimentos? E o mais importante: o que você vai fazer no seu planejamento financeiro para aproveitar as mudanças?

Deixe suas dúvidas e opiniões nos comentários. 😉

Autor

Renato Martins

Renato Martins é cofundador do goldmap e um eterno estudante do tema "finanças pessoais". Ele é formado em Sistemas de Informação pela PUC Minas e em Administração pela ETFG. Busca escrever no blog do goldmap principalmente sobre como gerenciar as finanças pessoais de forma saudável e eficiente.

Outros artigos que você pode gostar...

8 comentários

  • Renan Spita

    Nossa ridículo.. estão fazendo de tudo para que o único investimento seguro que tinhamos, acabe ou que nao vale mas a pena.
    Esse país é uma bosta, a única coisa que não deixa o Brasil afundar são esses inúmeros recursos naturais, que se estivessem nas mão de um governo responsável, traria benefícios e melhoraria a vida de todos os brasileiros.
    Pense bem, somos um país auto-suficiente em petróleo e pagamos uma das gasolinas mais caras do mundo. TEM ALGUMA COISA ERRADA NISSO!!!!!!!!!

    • Olá Renan, tudo bem? Espero que sim! 

      Concordo com você que temos sim muito e muitos problema no nosso país, mas essas mudança nas regras da poupança se fazem necessária para criarmos o ambiente necessário para uma redução significativa dos nossos juros.

      Veja bem, com as reduções de juros já anunciada, o que você irá pagar a menos em um futuro financiamento já se mostra bem mais vantajoso que a rentabilidade da poupança hoje.

      E pode esperar mais cortes de juros virão.

      A poupança descontada a inflação já não era um investimento muito atraente, e com a redução dos juros tende a ficar menos ainda, porém o mercado oferece diversas opções bem mais vantajosas e não necessariamente muito mais arriscadas.

      Você já experimentou alguma outra forma de investimento?

      Só uma curiosidade somos auto suficiente em petróleo, mas ainda não somos no refino da gasolina ou seja precisamos importar um parte do nosso consumo.

      Obrigado pela participação!!

  • Pingback: Quais as melhores práticas ao organizar seus gastos pessoais()

  • André Nunes

     

    Vejamos bem se eu entendi que dizer que quanto menos a SELIC
    estiver abaixo de 8,5. Menor será minha remuneração na caderneta de poupança.

    Mais por outro lado se a SELIC estiver acima de 8,5 a minha
    remuneração permanece como era de 6,17% a.a +TR.

    • É isso mesmo André. Com essa mudança agora é uma boa hora para conhecer outras formas de investimento como o Tesouro Direto. Você já conhece?

      Um abraço.
      Renato.

  • Carlos Vaz

    Renato, eu tenho dúvidas em relação ao rendimento mensal e anual da poupança:

    – A taxa de rendimento mensal é 0,5% a.m correto? Agora, o cálculo do rendimento é feito sobre todas as aplicações que eu fiz no mês anterior até o aniversário mensal da conta, ou cada aplicação tem um dia específico (no caso quando fizer um mês que apliquei)?
    – E no caso do rendimento anual ele acontece no dia do aniversário da conta e é calculado sobre todo o montante que eu tenho no saldo da conta até aquele dia?

    Agradeço a atenção.

    • Oi Carlos, obrigado pelas perguntas!

      Vamos então às respostas:

      1) Correto. No momento que eu escrevo esse comentário (out/2013), a remuneração da poupança é de 0,5% a.m. + TR, mas lembre-se que essa remuneração pode mudar de acordo com a Selic, conforme escrito no artigo acima.

      2) A rentabilidade da poupança é calculada pela data de aniversário da aplicação. Ou seja, cada aplicação tem um dia específico para receber a correção, no caso, um mês depois que você aplicou. Se você faz aplicações em dias diferentes do mês, pode reparar que você receberá juros também em dias diferentes nos meses seguintes.

      3) Na verdade, a remuneração da poupança ocorre apenas mensalmente, no aniversário de cada aplicação. Não ocorre um “rendimento anual”. Toda vez que você ler esse termo, ele está se referindo apenas aos rendimentos mensais somados (ou às taxas mensais somadas).

      Se algum ponto não tiver ficado claro ou tiver alguma outra dúvida, fique à vontade em me perguntar novamente.

      Um abraço.
      Renato.

  • guyver

    Boa noite ainda não entendi estou vendo que meado 2012 os rendimentos após 5 maio de 2012 não mais mesmo
    a conta poupança com rendimento r$ 114.953,23 neste mês mais saldo ja esta R$ 147.913 .23 nao teria que somar o valor totais do dinheiro por exemplo juros datas de aniversario da poupança e 0,6281 % em cima do vaor R$ 147.913 .23v teria que ter um rendimento R$ 929.04 e porque esta sendo somando em cima r$ 114.953,23

    • Olá Guyver,

      O cálculo é sempre de juros sobre juros, ou seja, o [dinheiro que você aplicou] + [os juros que já renderam no mês anterior] são a base para calcular o rendimento do mês subsequente, e assim vai a cada mês…

      Só tenha em mente que toda aplicação que JÁ ESTAVA depositada na poupança antes de 04/05/2012 continua funcionando da maneira antiga e irá continuar assim para sempre desde que você não saque esse dinheiro. As aplicações feitas após essa data (e somente essas) terão seus juros calculados da maneira nova.

      Um abraço.

  • Pingback: Onde investir o dinheiro que está sobrando? 8 passos para começar - Blog do goldmap()